Como aumentar seu tempo de contribuição para o INSS

seguro de automóvel, acidentes com passageiros
Seguro de automóvel e a cobertura para passageiros
29/01/2019

Como aumentar seu tempo de contribuição para o INSS

1

Estamos com a reforma da previdência próxima de sua aprovação final, e aqueles anos ou meses sem pagar o INSS estão fazendo muita falta para aqueles que querem se aposentar antecipadamente ou até mesmo aumentar o tempo para ingressar em alguma regra de transição mais benéfica.

A primeira questão que surge na mente das pessoas é verificar se há algum tempo que deixou de ser computado ou efetivamente quitado, para que possa nesse momento ser recolhido mesmo com atraso.

Atenção, antes de sair recolhendo voce precisa analisar com cuidado a sua situação, pois pode pagar por algo que não era necessário ou ainda recolher algo que não será aceito pelo INSS.

Para algumas pessoas não é possível o recolhimento de contribuições atrasadas, como por exemplo o segurado facultativo, que é aquela pessoa que resolve recolher por conta própria, mas não possui atividade remunerada, como as donas de casa, estudantes, desempregados, assim, para essa classe de contribuintes, recolher atrasados não é uma opção.

O recolhimento dos atrasados é possível para os contribuintes individuais, que são os autônomos, empresários e micro empreendedores, esses podem recolher atrasados, no entanto, nem sempre é conveniente, pois depende do período de vencimento das parcelas.

Caso as contribuições sejam de até 5 (cinco) anos, voce poderá recolher os atrasados sem juros e multa, apenas com correção, mas para isso, você tem que ter contribuído como individual em algum momento da vida, e essa contribuição, ao menos uma, deve ter sido dentro do prazo de vencimento.

Caso não tenha feito nenhuma contribuição em dia, na qualidade de segurado individual, voce terá que antes de pensar em recolher, comprovar por documentos o efetivo exercício da atividade, NÃO pague antes disso, pois você irá jogar dinheiro fora.

Se as contribuições que você pretende pagar tiver mais de 5 (cinco) anos, você também terá que comprovar a efetiva atividade, e o recolhimento terá juros e multa, então importante calcular para ver se compensa.

Cuidado, não vá ao INSS sem analisar detalhadamente seus recolhimentos, pois eles podem orientar que voce recolha períodos desnecessários e que não lhe auxiliarão em nada.

Outras formas de aumentar sua contribuição que muita gente esquece:

· Período de serviço militar, que basta comprovar o exercício pela certidão de reservista;

· Tempo exercido como aprendiz;

· Empresas em que se trabalhou sem vínculo empregatício ou com vínculo, mas sem recolhimento, pois o empregado não pode ser prejudicado por ausência de recolhimento que era obrigação da empresa;

· Atividade exercida sob condições especiais que são as exercidas em condições prejudiciais a saúde e segurança, que devem ser computadas com o adicional fator multiplicador, e muitas vezes o INSS deixa de considerar ou exige documentos a mais do que é devido apresentar;

· Atividade rural, também muitas vezes não consta no cadastro do INSS

· Trabalho como servidor público

Essas dicas são importantes, porque, além de aumentar seu tempo de contribuição voce poderá se aposentar mais cedo e também poderá conseguir aumentar o valor do seu benefício